QUE PÉROLAS VOCÊ ANDA ESCONDENDO?

 

Contaram para mim uma história que achei muito interessante e quero compartilhar com você:

Era vez uma mulher que possuía várias pérolas. Como ela não sabia ao certo de que modo poderia usá-las e tinha medo de perdê-las, decidiu guardá-las no fundo de um baú e proibiu qualquer pessoa da casa de sequer tocar nesse baú.

No começo, todo dia ela abria o baú para dar uma olhada nelas. Mas, com o passar dos anos, os afazeres do dia tomando todo o seu tempo, deixou de olhar para seu tesouro e até se esqueceu que o possuía.

Muito anos depois, ela lembrou de suas pérolas e abriu o baú, que, nessas alturas, estava em um quartinho, no fundo da casa. Para surpresa da mulher, não tinha nada lá dentro.

Ah, ela ficou extremamente raivosa e começou a bradar bem alto, lamentando que fora roubada.

Vendo-a naquele estado, o esposo disse-lhe: “Para que tanto desespero e tristeza? Coloque uma bijuteria no mesmo lugar e finja que são suas pérolas. Vai dar na mesma, pois quando elas estavam aí, você não usava pra nada”.

Aí foi que a mulher se lastimou mesmo, dizendo: “Quem dera eu pudesse voltar o tempo…”.

Agora, imagine que essa mulher é você. Como seria essa história?

Vamos além: troque as pérolas pelos seus talentos, ou dons, como também chamamos e o baú pela sua mente inconsciente. Quantos você não usou e “guardou no fundo de um baú”?

Se não relembrar, é só pensar um pouco na sua infância e adolescência… O que as pessoas com quem você convivia diziam que você fazia bem?

Pode até não ser fácil recordar assim de cara. Sem problema: faça outras vezes mais tarde. Quanto mais difícil lembrar, mais profundamente você os “escondeu”.

Nas sessões de Coaching, esse é um ponto fundamental e às vezes a gente usa várias ferramentas para ajudar o coachee (cliente) nesse processo.

A ideia aqui é que você resgate esses seus talentos e comece a usá-los no seu dia a dia.

Você vai se surpreender com o que é capaz.

Aliás, esse é o grande objetivo de um Processo de Coaching: ajudar o coachee a encontrar a melhor versão de si mesmo. E isso passa por

E aí, que tal dar uma olhada no seu “baú” e começar a usar as suas “pérolas”?

Depois, conte-me as suas descobertas.

É isso! Agora, deixa o seu comentário aí embaixo.

Se gostou, aproveita para compartilhar com os amigos!

Beijos mil e até o próximo!

Suzane Jales,
sua coach

Suzane Jales

About the Author

Suzane Jales

Suzane Jales é Coach (Life & Executive - especialista em Coaching em Grupo), Master Practitioner em Programação Neurolinguística (PNL) e com formação em Hipnose Eriksoniana, Eneacoaching (Eneagrama aplicado ao coaching), Terapias Naturais (Medicina Tradicional Chinesa), Emotional Freedom Techniques (EFT) e Reiki. Jornalista e Escritora, tem mais de 10 livros publicados (é especialista em Biografias).

Follow Suzane Jales: